Vitamina D e sua importância para o idoso


A vitamina D, que na verdade não é uma vitamina, mas sim um hormônio, é uma das substâncias mais importantes para a saúde, responsável por regular diversas funções no organismo. O problema é que geralmente  os idosos,  costumam ter maior deficiência dessa molécula.

Na realidade, o termo vitamina D se refere a um grupo de moléculas: Vitamina D, D2 e D3. A vitamina D2 é obtida através da alimentação, como peixes, cogumelos secos, leite, ovos, fígado bovino entre outros. Já a vitamina  D3 só é sintetizada através da exposição solar.

Entre os benefícios proporcionados pela presença da vitamina D no organismo, estão: 

  • Combate às doenças autoimunes;

  • Ajuda no fortalecimento dos ossos;

  • Auxilia na saúde muscular;

  • Regula o cálcio e ferro;

  • Consegue controlar a pressão arterial e cardíaca;

  • Prevenção de diversos tipos de cânceres.

Importância da vitamina D aos idosos

Quando há deficiência de vitamina D, o corpo costuma dar sinais como espasmos musculares, sensação de cansaço contínua, mal-estar e perda de equilíbrio. A falta dessa substância também aparece associada a algumas doenças, sendo as mais comuns: osteoporose, asma, artrite reumatoide, obesidade, resfriados e gripes, depressão e até câncer.

Vale lembrar que a vitamina D é responsável por auxiliar na produção das células de defesa, garantindo um bom funcionamento da imunidade. Com o passar da idade, a pele vai perdendo a capacidade de realizar o processo de absorção desse hormônio no organismo e, dessa forma, há uma redução nas células de defesa, o que ocasiona um grande problema ao sistema imunológico e à saúde da pessoa, que necessita da suplementação para corrigir essa questão.

Mas, todo excesso também causa mal. Há casos em que os idosos começam a tratar uma deficiência da vitamina D e, por falta de atenção, acabam tomando a substância de forma errônea, causando uma superdosagem.

Quando em excesso, os efeitos colaterais mais comuns são: diarreia, dor de cabeça, constipação, boca seca constantemente, perda de apetite e náusea.

Portanto, tanto o excesso quanto a falta são prejudiciais ao organismo. Assim, os idosos devem realizar exames regularmente para avaliar como está a produção de vitamina em seu corpo.

Como obter mais vitamina D?

Os raios solares são ideais para manter os níveis de vitamina D em dia, por isso recomenda-se a exposição ao sol no mínimo três vezes por semana, pelo menos 20 minutos, entre 10h e 15h. Dependendo do caso, o médico responsável pode indicar ao idoso suplementações para auxiliar na falta da vitamina D no organismo.

Para saber como está a saúde e a quantidade de vitamina D, é indicado sempre realizar consultas ao médico e fazer exames de sangue como forma de controle e prevenção à deficiência desse hormônio tão fundamental. 

Crédito da imagem: Cecilie Arcurs

--

Gostou dessas dicas? Para conferir mais como essas, não deixe de acompanhar nosso blog aqui na página da Droga Leste. Tem algum assunto que você gostaria de ver por aqui? Fale com a gente pelo e-mail marketing@rededrogaleste.com.br. Cuide bem, viva bem!

Confira mais

Salto de desenvolvimento: como identificar se o bebê está passando por um?

Quer saber mais como identificar cada salto de desenvolvimento no seu pequeno? Confira algumas dicas que separamos nesse post!

Dia Internacional da Síndrome de Down

Você sabia que a síndrome de Down não é uma doença, mas uma alteração genética que acontece devido a um erro na divisão celular do óvulo?

Dia Mundial da Saúde Bucal: 4 dicas para cuidar bem do seu sorriso!

Preparamos quatro dicas incríveis para que você fique em dia com o seu sorriso e possa mantê-lo sempre lindo e saudável. Confira em nosso blog de hoje!

5 produtos de beleza mais usados pelas mulheres

Hoje é um dia muito importante para todas as mulheres e a beleza está sempre no dia a dia delas. Selecionamos 5 produtos que não podem faltar para uma mulher!

5 exercícios para idosos praticarem em casa

Selecionamos 5 exercícios fáceis para idosos, que podem ser praticados em casa durante esse período de isolamento social! Confira as dicas no post de hoje.

Dia Mundial do Rim: por que são importantes e como cuidar deles?

Hoje é celebrado o Dia Mundial do Rim, por isso separamos algumas informações para ajudar você a mantar sua saúde em dia. Fique sabendo!

Veja Mais Postagens