Senior e pets

Pets e idosos: a combinação perfeita

Além de grandes companheiros, os animais de estimação também ajudam a controlar  doenças como a depressão e ansiedade. Cada vez mais presentes nos lares, os bichinhos podem trazer diversos benefícios para os idosos. 

Por isso, nessa matéria apresentamos algumas das principais vantagens da interação dos pets com os idosos. Confira!

Vantagens dos pets para idosos

Especialistas afirmam que a solidão já é um problema epidêmico, que atinge qualquer geração e todas as camadas da sociedade. Inclusive, ela é tão mortal quanto fumar 15 cigarros por dia. 

Porém, na velhice, essa solidão se torna um problema ainda maior, podendo devastar tanto a mente quanto o corpo. Algumas das principais causas dessa sensação é a aposentadoria (e parar de trabalhar), perda de amigos e entes queridos, assim como o afastamento da família. 

No entanto, existe uma fonte de conforto e companhia que beneficia os idosos de inúmeras maneiras: os animais de estimação. Isso não é apenas uma lenda, mas sim uma comprovação social.

Uma recente pesquisa realizada pela Edelman Intelligence, em nome da HABRI e da Mars Petcare, revelou que possuir um pet ajuda a enfrentar os desafios da solidão. Cerca de 26% dos entrevistados afirmaram entender a importância dos animais para a saúde mental. Além disso, por volta de 80% dos entrevistados que possuem pets confirmaram que eles se sentem menos solitários por terem a presença dos bichinhos. 

A maioria das pessoas (9 em cada 10) com mais de 55 anos também acredita que os pets podem ajudar os idosos a se sentirem menos solitários, por sua capacidade de nos fazer interagir.

Dicas para encontrar o animal de estimação ideal para um idoso

Embora as vantagens de ter um pet para idosos sejam diversas, também existem alguns detalhes que precisam ser observados. Faça a si mesmo algumas perguntas antes de acolher um animal de estimação na família: 

Já tiveram um animal de estimação antes? 

Se a pessoa idosa já tiver alguma experiência com pets, melhor. No entanto, estar aberto a um compromisso novo também faz com que os novatos sejam bons donos.

O idoso tem alguma deficiência ou limitação funcional? 

Os cães podem ser companheiros maravilhosos, incentivando os idosos a se exercitarem. No entanto, isso pode ser um desafio bem grande para pessoas com mobilidade limitada. Se levar um cachorro para passear for muito difícil, animais de baixa manutenção, como gatos e pássaros, podem ser mais indicados.

Qual idade do animal seria melhor? 

Um filhote pode não ser o ideal para idosos, por causa dos cuidados intensivos e treinamento que eles exigem. Por outro lado, um animal de estimação sênior pode ter suas próprias limitações e doenças físicas, mas geralmente já está bem mais treinado.

O animal de estimação é saudável?

É importante que qualquer animal de estimação seja examinado por um veterinário antes de ser levado para casa. Alguns podem carregar doenças que são transmissíveis, e você não quer comprometer o sistema imunológico de uma pessoa idosa, certo? Além disso, animais de estimação doentes podem ser mais difíceis para os idosos lidarem emocional e financeiramente.

As finanças são um problema?

Pets também trazem consigo um compromisso financeiro significativo em longo prazo. Um filhote de cachorro pequeno envolve gastos com alimentação, cuidados médicos, brinquedos e higiene. Já um animal de baixa manutenção, como um peixe, pode até custar menos, mas também exige trabalho com limpeza e manutenção. Considere cuidadosamente o orçamento atual antes de pegar qualquer animal.

Existe um plano B para o animalzinho?

Isso não é agradável de pensar, mas os proprietários também devem planejar o inesperado. Se um idoso tiver que ir ao hospital, mudar-se para uma casa de repouso ou mesmo até mesmo vir a falecer, o que aconteceria com o pet? É importante ter um plano para nossos amigos antes de qualquer emergência para que eles fiquem sem um lar

Fonte das informações: Mars.

Se você quer mais dicas sobre saúde, bem-estar e prevenção não deixe de acompanhar nosso blog aqui na página da Droga Leste. Gostaria de dar uma sugestão ou ver algum assunto por aqui? Conte para a gente pelo e-mail marketing@rededrogaleste.com.br. Cuide bem, viva bem!