dentes-no-bebe

Dicas para aliviar o incômodo do nascimento de dentes no bebê

O seu bebê está mau-humorado? Não tem dormido direito? Está com febre e dor? Fique calmo! Se ele tem entre 06 meses e 01 ano e meio, pode ser que seja apenas os dentinhos nascendo. Todos esses sintomas são comuns enquanto os primeiros dentes do bebê surgem. 

Por mais que ainda não exista uma relação cientificamente comprovada, diversos profissionais da saúde relacionam esses indícios com o nascimento dos dentes no bebê. Não são todas as crianças que passam pelo sofrimento da mesma maneira, porém há pequenos que sofrem muito durante a fase. 

Pensando nisso, a Droga Leste trouxe um compilado para ajudar você a cuidar do seu filho da melhor forma e reduzir o desconforto. 

Quais são os sintomas ligados ao nascimento de dentes no bebê?

Os sintomas mais comuns que ocorrem durante o início da dentição do bebê são:

  • Baba excessiva (a saliva ácida pode provocar, também, irritação ao redor da boca);
  • Inchaço e sensibilidade na gengiva;
  • Irritabilidade e mau humor;
  • Tentativa de morder tudo o que está pela frente;
  • Falta de apetite;
  • Problemas para dormir.

Além disso, também é comum os pequenos terem diarreia, febre e catarro quando os dentes estão surgindo. O que também pode acontecer é baixar a imunidade, por causa do estresse, deixando-os mais sujeitos a infecções.

Algumas vezes, os dentinhos têm dificuldade de romper a gengiva. Isso pode causar um inchaço ainda maior e muita vermelhidão. Em alguns casos, a aparência de “bolas vermelhas”, os chamados cistos de erupção, podem causar ainda mais desconforto nos bebês.

Porém, tome cuidado! Não pense automaticamente que o mal-estar do seu filho é por conta dos dentes. Se os sintomas aparecerem, o ideal é procurar um médico e fazer uma investigação. 

Como amenizar o desconforto do bebê?

Veja as dicas que separamos para ajudar o bebê a ficar um pouco menos desconfortável com o nascimento dos dentinhos

Mordedores

Enquanto os dentes do bebê estão nascendo, é comum que ele sinta mais vontade de morder as coisas. As mordidas ajudam a rasgar a gengiva dos pequenos, além de aliviar a coceira constante.

Existem mordedores que são feitos especialmente para a fase da dentição, sempre disponíveis em diferentes tamanhos, formas e cores. Uma segunda dica é manter os mordedores dentro da geladeira por um tempo, porque a temperatura baixa ajuda a aliviar o inchaço e a dor.

Massagem na gengiva

Massagear a gengiva do nené com um massageador específico também ajuda a aliviar o desconforto, além de higienizar a gengiva. 

Se você não possui um massageador, também pode fazer o procedimento com o dedo envolvido em uma gaze umedecida com soro fisiológico. O soro em baixa temperatura potencializa o alívio da dor. Para massagear, aplique um pouco de pressão, movendo o dedo para frente e para trás.

Alimentação

Mesmo que os pequenos não tenham muita fome enquanto os dentes nascem, é importante insistir na alimentação, principalmente com alimentos mais duros. Opte por cenoura, maçã e outros que podem ser consumidos gelados e ajudam a coçar a gengiva, diminuindo a inquietação dos bebês. Mas, não se esqueça de verificar com o médico se o seu bebê pode consumir esses ou outros alimentos.

Pomadas e medicamentos

Quando o processo de nascimento dos dentes do bebê começar, procure o pediatra para ver se é necessário o uso de algum produto como pomadas ou medicamentos. O importante é nunca usar nenhum desses itens sem recomendação médica.

 —
Gostou dessas dicas? Para conferir mais como essas, não deixe de acompanhar nosso blog aqui na página da Droga Leste. Tem algum assunto que você gostaria de ver por aqui? Fale com a gente pelo e-mail marketing@rededrogaleste.com.br. Cuide bem, viva bem!